Este espaço é reservado para troca de textos e informações sobre a História do Brasil em nível acadêmico.

quarta-feira, 9 de junho de 2010

GEHB ** O DETERMINISMO GEOGRÁFICO

 
O DETERMINISMO GEOGRÁFICO
O articulista de A Gazeta, André Hess, cometeu alguns equívocos ao tentar propor em artigo recente(Geografia e história 08/06/2010) a receita de sucesso para as sociedades. Pensando contribuir positivamente para o debate eleitoral que ora se avizinha, o jornalista escorrega na maionese. Os equívocos surgiram de leituras erradas sobre tópicos controversos de história e geografia. Porem, é importante observar que tais erros não são novos. Trata-se de antigos preconceitos que hoje assumem uma roupagem mais moderna e aparentemente científicas.
André se propôs a interpretar dois autores em voga: o professor Jared Diamond da Universidade da Califórnia e o economista turco Daron Acemoglu professor do MIT. Esses iminentes intelectuais deram entrevistas para a revista Veja cujo objetivo seria “explicar” as razões para que umas sociedades sejam mais desenvolvidas do que outras. Seria de utilidade pública o jornal A Gazeta abrir espaço para o debate sobre o quem ver a ser desenvolvimento...
O primeiro autor faz ressurgir a velha tese do positivismo No século XIX, o pensador alemão Friedrich Ratzel tentou aplicar a história conceitos geográficos: o espaço vital e o determinismo geográfico. Conectados tais conceitos tentaram explicar os fatores objetivos responsáveis pelo desenvolvimento das sociedades humanas. Eram analise comparativas entre sociedades diferentes que levaram Ratzel a inferir que fatores relacionados ao meio pudessem explicar o grau de evolução de uma dada sociedade. Ratzel bebeu na fonte do evolucionismo biológico de Darwin e foi influenciado pelos processos políticos e militares de unificação da alemão. Ele foi portanto o mentor intelectual do expansionismo das grandes potencias européias que ensejaram o imperialismo e o neo-colonialismo modernos.
A questão que interessa aqui diz respeito ao território. Sem dúvida, Ratzel refere-se ao domínio e aumento de território como condição sine qua non de evolução de um povo. Já o jornalista André aceita a tese rebuscada e falsificada de que o território, as condições do meio ambiente, explicam os disposições para que um país acesse o crescimento econômico Nessa trilha, os países ricos seriam detentores de um território cujo clima é temperado. Já os países dos trópicos teriam, por exemplo, uma agricultura menos produtiva com um solo bastante precário. Tal tese, além de falsa deve ser combatida para que os nossos estudantes do ensino fundamental e médio não venham a reproduza-las.
Na década de 1970, o Brasil vivia uma forte ditadura e no entanto a sua economia crescia a taxas invejáveis de 13% ao ano. A Grécia contemporânea é o exemplo de instituições democráticas, mas afunda numa séria crise econômica. A índia é um país de castas, porem de robusto poder econômico Os exemplos que desqualificam tais tese simplórias são muitos. Não há espaço aqui para aprofunda-los. Convém apenas evidenciar a lição da história: velhas ideologias estão sempre na espreita para influenciar intelectuais desavisados. No fundo o que elas almejam é justificar interesses econômicos e formas políticas de poder. Os julgamentos valorativas na história via de regra nos conduzem a equívocos e malentendidos. Comparar sociedades a partir da valoração destacada de determinadas instituições ou meios econômicos pode se tornar uma grande armadilha que vai de encontro aos anseios de certos grupos de poder. É o exame da história que pode ajudar a se desfazer falsas projeções ideológicas.
Sergio Fonseca
Historiador
__._,_.___
Atividade nos últimos dias:
    **Este grupo foi criado com o intuito de promover releituras da HISTÓRIA DO BRASIL e tão-somente  HISTÓRIA DO BRASIL.  Discussões sobre a situação atual: política, econômica e social não estão proibidas, mas existem outros fóruns mais apropriados para tais questões.

                                                                                                    Por Favor divulguem este grupo e grato pelo interesse .
 
Visite o Blog do nosso Grupo:http://www.grupohistoriadobrasil.blogspot.com

__,_._,___

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Arquivo do blog

Seguidores do Grupo de Estudos da História do Brasil - GEHB.

Livraria Cultura - Clique aqui e conheça nossos produtos!